236 650 600

Redes Sociais

Aviso ANACOM

A partir do dia 15 de Abril, os utilizadores de TDT deverão sintonizar os seus televisores ou descodificadores para as novas frequências, para assim continuarem a receber sinal de forma gratuita. A rede de Televisão Digital Terrestre (TDT), vai ser alterada para possibilitar a introdução do 5G.

A rede de Televisão Digital Terrestre (TDT), que disponibiliza a televisão gratuita (a qual inclui os canais RTP1, RTP2, RTP3, RTP Memória, SlC, TVI e ARTV), vai ser alterada para possibilitar a introdução do 5G, com relevância para o desenvolvimento do país e para a melhoria da qualidade de vida dos cidadãos. Esta mudança, decidida pelo Parlamento Europeu e pelo Conselho da União Europeia, acontecerá em todos os Estados-Membros, mas em Portugal apenas uma parte dos utilizadores de TDT serão abrangidos, já que se manterão inalteradas algumas das atuais frequências de transmissão.

De um ponto de vista prático, saberá que foi abrangido pela mudança se a sua televisão ficar sem imagem. Nesse caso, o que terá de fazer é simples: bastará voltar a sintonizar a sua televisão ou o descodificador de TDT para as novas frequências e continuará a ver televisão gratuitamente, como tem visto até aqui. Quer isto dizer que a ANACOM assegurou que não terá que substituir ou reorientar a antena, trocar a TV ou o descodificador, nem terá de subscrever serviços de televisão paga.

Para ajudar neste processo, a ANACOM disponibiliza um número de telefone gratuito 800 102 002, para o qual poderá ligar para esclarecer dúvidas e obter apoio na sintonia da sua televisão. Se for necessário, um técnico da ANACOM, devidamente identificado, poderá deslocar-se a sua casa para ajudar a sintonizar a nova frequência, sem quaisquer custos.

O processo de alteração da rede de TDT, da responsabilidade da MEO, terá inicio a 7 de fevereiro de 2020 e acontecerá de forma gradual, por regiões, de sul para norte do país, terminando nas regiões autónomas (Madeira e Açores). No verso desta carta encontra as datas de ressintonia dos emissores TDT que afetam a Região 3.
Mesmo que não seja abrangido por esta mudança, poderá sempre ajudar familiares, amigos ou conhecidos que precisem de fazer a sintonização da televisão. No folheto que acompanha esta carta encontra a informação necessária.

É importante que saiba que a TDT chega a lOO% da população, pelo que todas as pessoas podem ver televisão gratuita. Em alguns casos, a receção do sinal digital é feita por via terrestre (com a tradicional antena), noutros casos é feita através de satélite (com uma antena parabólica), mas sempre de forma gratuita. Caso esteja numa zona de receção por satélite, recordo que até 2023 a MEO está obrigada a comparticipar os descodificadores de satélite, podendo obter mais informações no portal do consumidor da ANACOM, através do endereço www.anacom-consumidor.pt 

 

AVISO [visualizar]

anacom 530px

 

Categoria:

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência online!